Poesia

Quando nasci

Um anjo enjeitado

Desses que vivem pelos cantos

Disse: Vai Carmem!

Vai andar a ermo pela Terra

O que ele não sabia

Era que em cada caminho

Eu sempre encontraria flores…

Carmem Sueli – abril 2018

Deixe um Comentario

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.